Seleção da Trigésima Rodada do Brasileirão 2014

1 - Paulo Victor (Flamengo): Atuação de gala! Salvou o Flamengo com ao mínimo quatro defesas, levando a melhor no confronto com Nilmar. Nota: 9.

2 - Railan (Bahia): Foi um dos jogadores mais perigosos do Bahia, fazendo bons cruzamentos e levando a melhor dobre Douglas Santos. Na defesa, foi seguro. Nota: 7,5.

3 - Leandro Almeida (Coritiba): Excelente nos cortes e na marcação. Teve boa atuação. Nota: 8.

4 - Douglas Grolli (Chapecoense): Fez ótima partida, ganhando todos os confrontos diretos com os atacantes do São Paulo. Foi bem também nos desarmes. Nota: 8.

5 - Edson (Fluminense): Apesar das dificuldades que teve para marcar Robinho, conseguiu parar o craque. No último suspiro, marcou o gol da vitória Tricolor. Nota: 8.

6 - Fábio Santos (Corinthians): Foi o autor do primeiro gol corinthiano. Fez o cruzamento que resultou no gol de Luciano e teve boa atuação defensiva. Nota: 8,5.

7 - Esquerdinha (Goiás): Não fez um bom primeiro tempo, mas na volta do intervalo mostrou mais disposição. Fez boas jogadas e marcou o gol da vitória do Goiás. Nota: 8.

8 - Gabriel (Flamengo): Foi o cara do jogo, marcando os dois gols da vitória do Flamengo. Além dos gols, deu bons passes e se movimentou, chamando o jogo. Nota: 9.

9 - Barcos (Grêmio): Em um jogo muito fraco tecnicamente, se salvou. Participou do jogo, foi incansável na pressão na saída de bola do adversário e fez o gol do jogo. Nota: 8.

10 - Cléo (Atlético Paranaense): Se destacou no fraco jogo no sul de Santa Catarina. Aproveitou a chance que teve, na falha do goleiro adversário, para balançar as redes. Foi o jogador do Furacão que mais apareceu no jogo. Nota: 7,5.

11 - Joel (Coritiba): O camaronês incomodou muito o sistema defensivo do Fogão com sua mobilidade. Correu muito, abriu espaços na defesa adversária e fez o primeiro gol da equipe. Nota: 8,5.

TÉCNICO: Cristóvão Borges (Fluminense): Foi inteligente ao adotar uma estratégia defensiva na Vila Belmiro. Conseguiu anular os velozes garotos do Peixe e ainda saiu vitorioso. Nota: 8.


Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: