Seleção da Vigésima Nona Rodada do Brasileirão 2014

1 - Rogério Ceni (São Paulo): Salvou o Tricolor de um tropeço ao fazer dois milagres. Ainda marcou o gol que abriu o caminho da vitória. Nota: 9.

2 - Mayke (Cruzeiro): Apesar de não conseguir apoiar como de costume, deu um cruzamento perfeito para Dedé decidir o jogo. Nota: 7.

3 - Dedé (Cruzeiro): Não fazia um jogo ao seu nível, mas não falhou na defesa e não brincou onde não deveria. Marcou no finalzinho o gol da vitória. Nota: 8.

4 - Thiago Heleno (Figueirense): Muito bem na defesa, passando segurança a equipe. Cortou muitas bolas aéreas e rasteiras. Também levou perigo nos escanteios ofensivos. Nota: 8.

5 - Marco Antônio (Figueirense): Fez gol, marcou, deu belos passes e ditou o ritmo do time na partida. Nota: 8,5.

6 - Mena (Santos): Criou boas chances ao chegar ao ataque, cruzando boas bolas aos companheiros. Em um desses cruzamentos, Gabriel aproveitou. Nota: 7,5.

7 - Gabriel (Santos): Fez uma grande partida, movimentado-se muito e contribuindo com a criação de jogadas, além de marcar dois gols. Nota: 9.

8 - Wagner (Fluminense): Teve uma atuação perfeita de substituto de Cícero, marcando bem no meio e chegando com perigo ao ataque, tanto é que marcou dois gols. Nota: 9.

9 - Cléo (Atlético Paranaense): Teve duas chances no jogo e não disperdiçou, marcando os dois gols do Furacão. Também correu bastante e prendeu bola no campo ofensivo. Nota: 8.

10 - Guilherme (Atlético Mineiro): Está em uma fase incrível. Fez mais uma grande partida, executando perfeitamente a função de um camisa 10. Deu uma linda assistência para Douglas marcar o gol da vitória. Distribuiu boas bolas ao companheiros e por pouco não marcou o seu. Nota: 8,5.

11 - Marcão (Figueirense): Fez o papelde pivô, deixando os companheiros na boa para finalizar. Marcou dois gols. Nota: 8,5.

TÉCNICO: Mano Menezes (Corinthians): Após uma semana desastrosa, onde errou muito ao ser goleado pelo Galo na Copa do Brasil, reabilitou-se ao esquematizar muito bem seu meio campo, fechando as finalizações de Alex e D'alessandro, além de não permitir que Nilmar e Fabrício conseguissem obter vantagem com suas jogadas velozes. Nota: 9.


Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: